TOP 3 Barcelona

barcelona

A Espanha é um país que reúne diversas obras de muito valor, Antoni Gaudi se destaca em seus projetos e edifícios emblemáticos. Escolhemos a cidade de Barcelona, como o encontro de tudo que o pais traz.
Escolhemos três pontos, obras ou outra forma que queiram chamar na cidade que demonstrem um pouco do que ela transmite parar moradores e visitantes do mundo inteiro.

A concepção da Sagrada Família de Gaudí baseou-se nas tradições do gótico e catedrais bizantinas. Sua intenção era expressar a fé cristã através da arquitetura e a beleza do edifício e ainda comunicar a mensagem dos evangelistas. Ele alcançou uma simbiose entre forma e iconografia cristã, com uma arquitetura de pessoal gerados através de novas mas completamente lógicos estruturas, formas e geometrias inspirados pela natureza, com luz e cor, também desempenha um papel central.
Assim, cada uma das suas 18 torres tem um significado especial. No meio é a torre dedicada a Jesus Cristo e em torno dela são quatro torres representam os Evangelhos; os livros que contêm a vida e os ensinamentos de Jesus. A torre acima da abside, coroada por uma estrela, representa a mãe da Virgem Maria, enquanto os restantes 12 torres representam os 12 apóstolos, testemunhas de suas palavras e atos.

sagrada familia

O Parque Güell é uma extensa encosta de 20 hectares, situado na Muntanya Pelada, considerado o segundo maior parque de Barcelona. Eusebi Güell, grande admirador de sua cidade natal deseja que sua cidade tenha um bairro-jardim singular, assim como tantas outras cidades européias.
São construídas duas casas, uma delas seria a nova residência de Eusebi Güell e a segunda seria ocupada por Gaudí, o próprio arquiteto, durantes vários anos.

parque guell

O parque é composto de dois edifícios que indicam o acesso principal, uma deles funciona como guarita para o guarda do parque e o outro como sala de espera e de reunião para os visitantes. Há uma colunata de inspiração dórica que é suporte de uma grande plataforma, há também viadutos para vencer os desníveis do terreno.

“Gaudí une a obra do construtor, que define as estruturas, a do escultor, que modela as massas, e a do pintor, que delimita as superfícies com a cor; além disso, faz convergir para a obra várias especialidades do artesanato, mosaico, a cerâmica, o ferro batido, etc.”(ARGAN, Giulio Carlo)

parque guell

Seus edifícios apresentam linhas curvas, delicadas, irregulares e assimétricas. Mosaicos e mistura de materiais caracterizam muitas obras arquitetônicas de Gaudí.

A Casa Milà, também conhecida como La Pedrera, é um edifício desenhado pelo arquiteto catalão Antoni Gaudí e construída entre os anos 1905 e 1907.
O edifício é mais uma escultura do que um edifício, com nenhuma linha reta apresenta diversas formas que formam o edifício. A fachada ondulada, com largos poros, lembra um praia ondulante de areia fina, formada, por exemplo, por uma duna. Os favos feitos por abelhas atarefadas também salta à ideia do observador que olha para os altos e baixos, semelhantes a cobras, que percorrem o edifício inteiro.

gaudi

Casa Batlló construído entre 1904 e 1906, no coração da cidade, é a obra mais emblemática do arquiteto catalão brilhante. Dotado original de Gaudi Casa Batlló, fantástica e cheia de imaginação fachada. Ele substituiu o antigo fachada com um novo conjunto de pedra e vidro. Ele enviou peal as paredes exteriores para dar a forma ondulada, que, em seguida, capotou com argamassa de cal e coberto com trencadís vitrais e discos de cerâmica.

batlo

O trabalho como um todo é uma maravilha de desenho ornamental graças ao surgimento de comércios. Gaudí trabalhou com os melhores artesãos de todos os comércios. A transformação do ferro forjado, onde a curva é não somente retórica e estética, mas também o reforço estrutural; enrolamento madeira e portas com relevos tridimensionais marcantes; cores vitrais de chumbo, peneiração luz natural; telhas de cerâmica com relevos, ornamentos arenito de Montjuic, todos percebe a mestria dos artesãos da época.

batlo

A Casa Vicens (1883-1888) é uma casa de verão desenhada por Antoní Gaudí, encomendada pelo dono de uma fábrica de tijolos e fabricante de azulejos, Manuel Vicens.

A estrutura do edifício ainda é dominada por linhas retas. Os ladrilhos decorativos e torreões fantásticos mostram ideias que Gaudí não pararia de cultivar. O edifício tem diferentes volumes separados por ângulos num conceito oposto ao de La Pedrera em que predominam as linhas onduladas.

A Casa Calvet construída entre 1989 e 1890 por Guadi é vista por Muitos dos especialistas na obra de Gaudí consideram a Casa Calvet como a obra mais conservadora do arquiteto.
Efetivamente, a simetria, o equilíbrio e a ordem que caracteriza a Casa Calvet não são habituais na obra de Gaudí. Porém, existem elementos modernistas como, por exemplo, as duas seções de fachadas terminadas em curvas na coberta, a varanda envidraçada que sobressai acima da entrada ou a forma das demais varandas. As colunas que flanqueiam a entrada recordam a bobinas de fio, e constituem uma alusão ao negócio têxtil de Calvet.

A cidade reúne diversos outros locais imperdíveis. Aqui citamos apenas alguns dos mais importantes.

Leave a comment